Digite o nome do autor do mesmo jeito que aparece no perfil. Será mostrado tudo que o autor participa.


Icon Icon Icon Icon




A Devil For Me. - Capítulo Mais um dia de trabalho. [+16] por sakymichaelis Ter 29 Out 2013 - 19:57



Cavaleiros do zodíaco-batalha final - Capítulo Prólogo [+13] por VITOR/OTAKU 305 Sab 26 Out 2013 - 17:51



Mid - Demons - Capítulo Prólogo [+16] por Lara_ Qui 24 Out 2013 - 18:48



[Me candidato à Beta Reader] Lara_  por Lara_ Qui 24 Out 2013 - 18:32



[Me candidato à Beta Reader] Aline Carvalho  por Aline Carvalho Qui 24 Out 2013 - 17:39



Ver tudo





Nós estamos no ar desde
Sab 16 Mar 2013 - 11:57!


Capítulos postados: 479

Comentários postados: 973

Usuários registrados: 491



O último usuário registrado foi:
sayuri234

Parceiros




Compartilhe | 
 

 Shadow of The Colossus Capítulo 4- Gaius

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
MensagemAutor
26032013
MensagemShadow of The Colossus Capítulo 4- Gaius

O que acontece neste mundo é um mistério, um mistério tão grande, que mal sei explicar, eu encontrei dois Colossi até hoje, um parecia tão bom quanto o outro parecia mal, agora, oito dias depois de matar Taurus, eu estarei enfrentando um inimigo mortal, pelo menos é o que disse Dormin, ele me fez treinar feito um maluco, por oito dias.
“Se tu queres matar os Colossi, deve enfrentá-los com coragem e astucia, nunca duvide das habilidades dos Colossi, e melhore a sua força muscular, se você cair na próxima luta, tu vais morrer.” _ É o que disse Dormin depois de me dar as últimas instruções.
Segundo Dormin, Gaius, o terceiro Colossus que eu deveria matar, fora um guerreiro, e não me revelou outras informações, mas eu creio que por ser guerreiro, ele lutou contra outros Colossi, talvez até tenha matado algum.
Quando eu cheguei à área do Colossus eu vi uma “coisa”, eu não sei no mundo o que seria aquela construção, Valus vivia num templo, e lá foi escravizado, Taurus vivia sua vida pacata e inocente em uma praia, mas aquele Colossus vivia em um lugar peculiar, parecia uma ilha, um monte de terra saindo do chão, em uma forma cônica, o topo era totalmente liso, e para subir havia uma rampa lateral em espiral, algo bem clichê, ainda quero saber pra quê exatamente aquilo era utilizado pelos antigos moradores das Terras Proibidas.
Eu então subi a rampa em espiral, que é incrivelmente bonita, com pinturas e desenhos, bordas roxas, uma verdadeira obra de arte, quando cheguei ao topo vi que a rampa estava quebrada no lugar que deveria haver uma ponte ligando a rampa ao monte de terra, então eu tive que pular, devo agradecer ao Dormin por me fazer treinar feito um louco, não fosse ele, eu não teria força física para pular aqueles 3 metros que separavam a rampa da construção estranha.
Então eu pulei para uma espécie de segunda rampa, era estranho, se eu descesse um pouco veria uma porta, ma eu não dei atenção à porta, quem sabe outro dia deva ir lá?
Quando eu subi o resto da segunda rampa cheguei a uma escada de sete degraus, quando eu subisse veria meu inimigo, neste momento meu coração tremeu, chegou a doer, eu sentia um ar diferente, não sei, talvez fosse só o vento, ma aquele lugar era mais medonho que o de Taurus, fosse o que fosse o Colossus, ele deveria ser mais poderoso, ou foi o que eu pensei.
Quando eu subi eu vi, ele deitado, dormindo, no centro da ilha suspensa, em cima de um círculo de pedra, simplesmente ao sentir minha presença o Colossus se levantou, apoiando o braço direito no chão conseguindo ficar ereto, diferente dos outros Colossus de pelo marrom o dele era um roxo meio acinzentado, Valus deveria ter em torno de 15 metros, ele aparentava uns 16, ainda assim, parecia bem menor que Valus, isto por que esse cara era magro, magro de desengonçado, como algo esquisito desse modo poderia se chamar de guerreiro, Dormin deveria estar ficando louco, quando ele andava rebolava de um jeito estranho, com certeza porque em seu braço direito está acoplada uma arma muito estranha, que não e parece em nada com o que já vi, consiste basicamente numa pedra lisa com a ponta curvada para cima com as beiradas um pouco quebradas, fora isso, no braço esquerdo havia uma mão estranhamente pequena, e que na verdade era atrofiada, ele não podia mover-la, porque, pelos meus cálculos, pude concluir que havia ali um escudo, em seu tórax também haviam partes de pedra quebrada, algo que um dia talvez houvesse sido uma armadura, os pés também eram incrivelmente finos, em outras palavras, uma criatura verdadeiramente feia, não era majestoso como os outros Colossus, eu tampouco consigo imaginar como tal magreleza conseguiu derrotar algum Colossus, um verdadeiro mistério.
Mas depois eu fui analisar bem, e vi que a culpa disso era da sua dieta, que deveria consistir das aves que vez por outra deveriam passar em bandos na região, e dos peixes do lado que há lá em baixo, então fiquei pensando que talvez aquela criatura não fosse tão desengonçada assim, já que se ainda estava viva significava que comia e bebia, e para isso teria que sair daquele lugar.
Não havendo mais tempo para pensar comecei a correr da criatura, que andava um pouco mais rápido que Valus, mas não era tanto assim, o que significava que não conseguiria me pegar, enquanto isto pensava em uma maneira de subir nele e acertar os Stgmas, bom, para isso, eu precisaria de pelos, é a única forma de subir num Colossus, mas isto é outra coisa que este ser não tem nas pernas, como eu subiria? Teria que chegar ao braço, como? Através da sua arma, foi o que consegui pensar, se ele me golpeasse e errasse, a arma ficaria alguns segundos presa na terra, e eu conseguiria subir, mas aí veio um problema, acima do cotovelo, onde acaba a arma, ao um enorme não sei o que de pedra, talvez a última parte que ainda resta inteira de sua antiga armadura, teria que quebrar isso para conseguir chegar a seu ombro.
Então me ocorreu que teria um modo, que era só fazê-lo acertar o círculo de pedra que havia no meio da construção, isto provavelmente faria quebrar a armadura, e foi o que eu fiz, fiquei parado em cima do dito circulo quando a criatura levantou o braço com esta pedra que deve ter entre três ou quatro metros de comprimento, deixando-a completamente ereta no ar, e depois a abaixando com força, quando eu vi mal deu tempo de desviar, ela acertou no círculo e como eu pensei, quebrou a dita proteção do cotovelo.
Então eu entendi o porquê dele ser considerado um guerreiro, seus ataques são muito fortes, mesmos sendo fisicamente mais fraco que Valus, com certeza ele seria o vencedor, ou não.
Então eu apenas teria que o fazer tentar bater em mim novamente, e quando a arma prendesse na terra eu subiria por ela alcançando uma pedra remanescente em seu cotovelo, e dela pular ao ombro, chegando à cabeça.
E foi o que eu fiz, dei um assovio forte, o que fez a criatura olhar nos meus olhos, senti medo, adrenalina, emoção, nem sei descrever como me senti quando eu vi levantando a arma para me bater, não, para me matar, eu certamente viraria pasta de amendoim se aquilo me acertasse, e possivelmente, comida.
Desviei, como eu imaginei a arma ficou presa, fui correndo, subi nela, e quando eu estava passando do meio ele conseguiu se soltar, e começou a chacoalhar a maldita arma querendo me derrubar, eu então consegui me segurar na beirada, e esperei ele parar um pouco, quando ele finalmente parou, eu comecei a correr desesperadamente para seu cotovelo, e rezava para que ele demorasse um segundo a mais apenas para chacoalhar, um segundo e eu conseguiria passar, por sorte ele levou dois segundo.
Quando eu atingi a plataforma no seu cotovelo me senti aliviado, sim, lá, como eu poderia dizer? Lá eu me sentia mais seguro que no chão, então, agarrando seus tufos de pelo, fui subindo até alcançar sua cabeça, onde eu julgava estar um Stgma, como eu supunha, o mesmo estava lá, tentei de todo modo que me foi possível, mas não conseguia ferir-lo, ele mexia-se tanto que eu quase caí, então num incrível ato de bravura e coragem, demonstrando incrível força e aptidão, tudo graças ao meu treinamento, consegui enfiar a espada uma vez, ouvi um som ensurdecedor, ele gritou, parecia que nunca houvera sido ferido, talvez haja muito tempo não tivesse uma batalha tão feroz. Chegou a ser engraçado quando ele tentou me pegar com aquele ridículo e pequeno braço esquerdo, o direito tem uma arma acoplada, e o esquerdo, não se move.
Depois que o Stgma sumiu eu teria que achar o segundo, claro que seria mais fácil e eu estive lá em baixo, pois da cabeça do bicho ver a sua barriga era difícil, mas me lembrei de ter visto uma luzinha de relance saindo de seu tórax, então comecei a missão de descer até a barriga, decidi ir pelo lado esquerdo, por que pelo que me pareceu, o braço esquerdo era quase inútil logo, ele mexeria menos nesta parte, o que me ajudaria, eu estava certo, até que chegar a seu tórax não foi uma tarefa a ser considerada, difícil.
Tampouco foi difícil ferir aquele Stgma, me pergunto o que senti quando matei aquela criatura, o que senti? Medo, alegria, dor, alívio, nada? Certamente eu não gosto de matar uma criatura viva, nem mesmo um Colossus, mesmo que ele me odeie, ainda está vivo, mas matarei a todos, não por mim, mas por Mono, que foi injustiçada, injustiçada pelo seu próprio povo, pela própria família, por isto, só por isto, eu luto, pela minha amada.
Quando eu acordei hoje, já estava novamente no Templo Central, quando ouvi nova vez a voz de Dormin:
“Tu, meus parabéns, tu conseguistes uma nova vez vencer um gigante, isso não é para qualquer um, meus parabéns, tu és algo, sim, tu és, estás cada vez mais próximo de eu objetivo, vá, coma, dorme, descansa um pouco, banha-te e vamos treinar, esta semana vamos treinar a sua paciência, seu próximo inimigo é o colosso que representa a paciência e a tranqüilidade, esteja calmo, e poderás vencê-lo.”
Dizendo isto, eu me retirei e fiz como ele mandou.
avatar
Luxus Sharv
Escritor(a) Padrão

Mensagens : 29
Popularidade : 0
Data de inscrição : 25/03/2013
Idade : 20
Localização : Ipatinga
Respeito às regras : Nenhuma advertência. Após 04 advertências, o usuário será banido.

Escritor especialista em Fantasia

Ver perfil do usuário http://fanfiction.com.br/u/268591/
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gostou? Então compartilhe: diggdeliciousredditstumbleuponslashdotyahoogooglelive

Shadow of The Colossus Capítulo 4- Gaius :: Comentários

Nenhum comentário.
 

Shadow of The Colossus Capítulo 4- Gaius

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 

Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: ::::::::: PUBLICAÇÃO DE FANFICS [CATEGORIAS] ::::::::: :: JOGOS DE VIDEO-GAME-

Site melhor visualizado e operado no Mozilla Firefox ou Google Chrome.
No Internet Explorer você não conseguirá usar muitos recursos especiais.