Digite o nome do autor do mesmo jeito que aparece no perfil. Será mostrado tudo que o autor participa.


Icon Icon Icon Icon




A Devil For Me. - Capítulo Mais um dia de trabalho. [+16] por sakymichaelis Ter 29 Out 2013 - 19:57



Cavaleiros do zodíaco-batalha final - Capítulo Prólogo [+13] por VITOR/OTAKU 305 Sab 26 Out 2013 - 17:51



Mid - Demons - Capítulo Prólogo [+16] por Lara_ Qui 24 Out 2013 - 18:48



[Me candidato à Beta Reader] Lara_  por Lara_ Qui 24 Out 2013 - 18:32



[Me candidato à Beta Reader] Aline Carvalho  por Aline Carvalho Qui 24 Out 2013 - 17:39



Ver tudo





Nós estamos no ar desde
Sab 16 Mar 2013 - 11:57!


Capítulos postados: 479

Comentários postados: 973

Usuários registrados: 491



O último usuário registrado foi:
sayuri234

Parceiros




Compartilhe | 
 

 Como escrever uma fanfic

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
MensagemAutor
09052013
MensagemComo escrever uma fanfic


Cada autor se faz a mesma pergunta: Como escrever uma FanFic ou até mesmo um livro? É uma pergunta simples, mas causa problemas irritantes.

As pessoas estão curiosas sobre a escrita e isso é legal e lisonjeiro. Escrever livros é um tema tão antigo e tão bem trilhado por tantas pessoas famosas que parece fácil para qualquer um, o que na verdade é, basta “pegar o jeito”. E, embora algumas pessoas saibam o seu potencial, mesmo que escondido no fundo, esperam alguém dizer: “Você sabe escrever”, ou “Você escreve bem”. Não é isso que esperamos ouvir nas reviews que deixam em nossa FanFics? Mas não espere isso. Escreva, independente do que irão dizer. Se você escrever bem, pessoas certas irão te elogiar.

Como saber que agrado aos leitores? Essa pergunta é muito relativa, pois cada um pensa de um jeito e gosta de gêneros diferentes. Portanto, você nunca irá agradar a todos.

Como escrever bem? Bom, isso é uma coisa que você irá aprender aos poucos, mas a principal base para isso é ler muito, muito mesmo, bons livros (eu disse livros, nada de começar a ler FanFics de outras pessoas para se basear. Não que eles possam escrever errado, mas ter livros como base te dará mais vocabulário e idéias).

Outra regra básica para um escritor aspirante é "escrever sobre o que você sabe". Se, no entanto, esta regra é levada muito literalmente, poucos escritores jamais ganharão o conhecimento necessário para escrever um romance histórico, mistério de assassinato ou um romance de ficção científica. Como disse a autora best-seller Martina Cole: "Escreva sobre o que você sabe e se você não sabe, descubra".

Você não precisa ter vivido em um século anterior, ser um assassino ou viajar no espaço para escrever ficção desses gêneros. A pesquisa é uma ferramenta indispensável para autores (como o nosso amado amigo Google). Conhecimento especializado é de valor inestimável, é claro.

Você também precisa aprender uma maneira de dar vida aos personagens caracterizados em suas histórias, e isso vem de sua experiência de relações pessoais, boas e ruins. A partir de nossas primeiras lembranças de infância, através de nossos tempos de escola, amizades adultas, relacionamentos amorosos, experiências no trabalho e em nossas vidas domésticas, tudo isso deve ser passado aos nossos personagens em cada função atribuída.

Além de escrever sobre o que você sabe, escreva sobre o que você gosta. Não adianta forçar a elaboração de uma história que você mesmo não gosta, isso será desastroso quando passado para o papel. Portanto, escreva aquilo que te dá gosto e o texto irá fluir.

“Mas, eu tento escrever algo e travo. Às vezes nem consigo começar. O que devo fazer?”

Ah, amigo, isso não é exclusividade sua. Até mesmo escritores profissionais como: J. K. Rowling (autora de Harry Potter), Sir Arthur Conan Doyle (autor de Sherlock Holmes), J. R. R. Tolkien (autor de O Senhor dos Anéis), entre outros passaram por isso. Não tenha pressa de escrever, a inspiração vem quando você menos espera. Fique pensando na história durante o dia e, quando aparecer uma idéia construtiva, passe para o papel (ou digite no PC rs).

Vamos a alguns passos:

Passo 1 ... Defina exatamente a história. Nada de começar a escrever para ver “que bicho vai dar”. Que história você quer contar? Quem são os personagens? O que aconteceu com eles?

Passo 2 ... Faça um resumo da história toda. Como é que começa, o que acontece durante e o que acontece no final. Sim, você precisa saber o que acontece no final. Se você não souber isto, você não tem uma FanFic, sua história está incompleta. A surpresa é só para o leitor, não para você.

Passo 3 ... Baseado em seu resumo, reescreva a história, colocando agora mais detalhes. Nomes, lugares, acontecimentos, descrições. Agora você já tem uma idéia melhor sobre o rumo da sua história.

Passo 4 ... Leia com atenção o resumo anterior. O que está faltando? O que seu personagem precisa fazer mais? É necessário incluir mais personagens? Lugares? Acontecimentos? Refaça o resumo.

Passo 5 ... Se o resumo está lhe dando uma boa idéia dos acontecimentos, personagens e locais, é hora de começar a escrever. Ah, sim... Você pensou que já estava escrevendo? Não. O resumo não é para o leitor e sim para você.

Passo 6 ... Muito bem, hora de escrever pra valer. Em primeiro lugar, nada de começar com: “era uma vez...”, ou “nos idos de...”. Nada mais amador e chato que isso. Vá direto ao assunto. Por exemplo: “José consultou seu relógio, olhou em volta mais uma vez e dirigiu-se rapidamente para a porta de saída.” Frases deste tipo prendem a atenção do leitor. Ele vai querer saber onde José estava, porque saiu rápido, e, é claro, quem é José.

Passo 7 ... Antes de começar, você deve definir quem está contando a história. No exemplo da introdução acima, alguém está contando a história de outra pessoa. A história é contada na terceira pessoa. Neste caso, quem conta a história é quem sabe tudo: o que aconteceu, o que está acontecendo e o que vai acontecer.

Outra maneira é colocar-se no lugar do personagem, contar a história na primeira pessoa. No caso, esta introdução ficaria mais ou menos assim: “Consultei o relógio, olhei mais uma vez em volta e caminhei rapidamente em direção à porta de saída.” Alguns inclusive acham que essa última maneira de escrever é mais fácil. Entretanto, o personagem não sabe tudo, ele vai vivendo a história.

Escrever “cenas” e dividir capítulos


Um livro geralmente é dividido em capítulos. Mas não é escrito assim. Não é comum – principalmente em livros de ficção – definir primeiro os capítulos e depois escrever. A história simplesmente vai se desenvolvendo. Depois, são definidos os capítulos, conforme os acontecimentos, épocas, etc.

Pense nos capítulos como elos de uma corrente. Elas são responsáveis pela importante tarefa de prender a atenção do leitor. Se você conta a história de uma só tacada, há boas chances de que se torne monótona.

Se você ler um livro de ficção de um autor americano, prestando muita atenção, poderá perceber que o livro todo é composto da distribuição de capítulos estratégicos. Terminou um, começa a outro. É desta maneira que o escritor faz com que você simplesmente sinta vontade de “devorar” o livro.

Portanto, antes de aprender “como escrever uma FanFic”, você deve aprender como dividir capítulos.

Cenas são as partes em que você faz o leitor viajar em imaginação. Ao escrever uma cena de luta, faça com que o leitor conheça o personagem que detém o ponto de vista. Mostre seus pensamentos, suas emoções e os motivos que o levaram a estar naquela situação. Isso irá gerar identificação com o personagem, trará mais vida para a cena.

Uma cena é composta basicamente de duas partes – cena e sequela, que são divididas da seguinte maneira:

Cena: objetivo (o que vai acontecer na cena), conflito (o desenrolar da cena), desastre (o final da cena. Chamado assim porque o herói sempre se dá mal, vencendo, é claro, só no final).

Sequela: reação (o que acontece ao personagem depois do desastre), dilema (onde o personagem fica em dúvida sobre o que fazer), decisão (quando o personagem se recompõe e parte novamente para a ação).

Conceito de prólogo

Escolha de preferência uma cena em que se passe alguma coisa capaz de despertar o interesse. Um momento chave, pivô, essencial para a história. No final de seu prólogo, o leitor deve se fazer no mínimo duas perguntas:

– Como se chegou a isso aí?
– O que vai acontecer?

Em “A estrela de Pandora”, de Peter F. Hamilton, em algumas páginas o autor descreve o ato original que lançou a idade dourada da humanidade, guiando o leitor até uma cena que explica sozinha o “bum” tecnológico que os homens vão fazer. Isso será a base de uma história que se iniciará vários séculos mais tarde.

Não hesite em mergulhar nos prólogos, notando o que lhe parece atingir o alvo. É compreendendo o que lhe agradou como leitor que você progredirá como autor.

Fica muito bom um prólogo dos livros em primeira pessoa: um trecho da hora em que a pessoa está chorando, sofrendo e algo, como por exemplo: “Eu estava desesperado, caíam cada vez mais lágrimas do meu rosto – ele havia matado a minha filha...” Até aí o leitor já está curioso para saber: “Quem matou a filha dele? Por quê?”

Bom, é isso. Espero ter ajudado.
























Escrever não é um dom ou uma virtude, mas sim a vontade de soltar a imaginação!
avatar
Cris Varella
Administrador
Administrador

Mensagens : 162
Popularidade : 32
Data de inscrição : 16/03/2013
Idade : 32
Localização : Rio de Janeiro
Respeito às regras : Nenhuma advertência. Após 04 advertências, o usuário será banido.

Escritor especialista em Fantasia

Ver perfil do usuário http://www.fanfictionunited.com.br
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gostou? Então compartilhe: BookmarksDiggRedditDel.icio.usGoogleLiveSlashdotNetscapeTechnoratiStumbleUponNewsvineFurlYahoo!Smarking

Como escrever uma fanfic :: Comentários

Re: Como escrever uma fanfic
Mensagem em Seg 20 Maio 2013 - 14:50 por Convidad
Ajudou e muito Cris. Se a maioria seguisse o que escreveu não teríamos tantas histórias com capítulos para disfarçar a falta de criatividade momentânea ou que está escrevendo para agradar aos leitores. Disse bem sobre escrever sobre o que gosta. Até para pesquisar sobre o assunto para inovar em sua estória isso é útil. Ninguém quer buscar informações sobre aquilo que não deseja saber. Não haverá entendimento do conteúdo.
Vou passar por aqui mais vezes enquanto desenvolvo a minha.
 

Como escrever uma fanfic

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 

Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: ::::::: FÓRUM ::::::: :: :::::::::: FERRAMENTAS E UTILIDADES :::::::::: :: Tutoriais e Dicas-

Site melhor visualizado e operado no Mozilla Firefox ou Google Chrome.
No Internet Explorer você não conseguirá usar muitos recursos especiais.