Digite o nome do autor do mesmo jeito que aparece no perfil. Será mostrado tudo que o autor participa.


Icon Icon Icon Icon




A Devil For Me. - Capítulo Mais um dia de trabalho. [+16] por sakymichaelis Ter 29 Out 2013 - 19:57



Cavaleiros do zodíaco-batalha final - Capítulo Prólogo [+13] por VITOR/OTAKU 305 Sab 26 Out 2013 - 17:51



Mid - Demons - Capítulo Prólogo [+16] por Lara_ Qui 24 Out 2013 - 18:48



[Me candidato à Beta Reader] Lara_  por Lara_ Qui 24 Out 2013 - 18:32



[Me candidato à Beta Reader] Aline Carvalho  por Aline Carvalho Qui 24 Out 2013 - 17:39



Ver tudo





Nós estamos no ar desde
Sab 16 Mar 2013 - 11:57!


Capítulos postados: 479

Comentários postados: 973

Usuários registrados: 491



O último usuário registrado foi:
sayuri234

Parceiros




Compartilhe | 
 

  Beauty and Beast - Capítulo Capítulo 4 []

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
MensagemAutor
16052013
Mensagem Beauty and Beast - Capítulo Capítulo 4 []

Categorias do Crossover:
Crepúsculo e The Vampire Diares e Beauty and Beast



Gêneros:
Amizade, Fantasia, Mistério, Suspense,

Clique aqui para ver as Informações Iniciais:
 


Revirei gaveta por gaveta de cada estantes e armários,ajuntei todas as autopsias,levaria para analisar cada uma com calma e sem perigo de alguém ver.




TOC TOC




–Entre.-murmurei,coloquei as autopsias dentro de uma pasta..




–Olá Detetive Swan.-sussurrou a Xerife.




–Olá Xerife,só Bella por favor.-falei.




–Então me chame de Lizzie.




–Claro,Xe...Lizzie aconteceu alguma coisa?-perguntei, ela parecia surpresa.




–Eu vim ver se você já tinha ido.




–Vou sair agora, estava somente me situando no ambiente.




–Ok,tchau.-despediu-se




–Tchau.




Essa xerife veio fazer algo aqui,e tenho certeza que não foi para ver se eu já tinha ido,mas é melhor eu me focar só nos Cullens,ou Carlisle,peguei a pasta,minha bolsa e sai da sala.




Estava caminhando pelas ruas de Mystic Falls,aqui era agradável,o calor,o frio,mesmo a cidade sendo pequena e me lembrar muito de Forks,é um bom lugar para se morar.




–Olá Bella.-falou Jenna do sofá com Jeremy.




–Olá Jenna,Jeremy.




–Bella, quer se juntar a gente no jantar?




–Claro, só vou tomar um banho e já desço.




–Ok. -voltaram a atenção no seriado Criminal Minds,adorava aquele seriado.




Subi as escadas pulando dois a dois degraus, entrei em meu quarto, joguei a bolsa na cama e a pasta deixou em cima da poltrona perto da porta.




No banheiro, me despi, e entrei embaixo do chuveiro, a água estava fazendo meus músculos relaxarem, Mystic Falls era realmente Mystic,mistério,cada vez mais que procuro pistas,tem mais segredos,pessoas como a Xerife,que quer esconder a "verdade",e pessoas como Os Cullens,eles deviam estar trabalhando e não novamente no colegial.




Sai do banho enrolada na toalha e fui ao Closet,escolhi uma roupa confortável,uma calça de moletom,uma blusa de algodão branca e um chinelo,penteei o cabelo e desci.




Jeremy continuava na sala sozinho, agora assistindo NCIS, prefiro Criminal Minds,mas é uma série legal também,sentei no sofá do lado e minha atenção se voltou para TV nos próximos minutos.




–JEREMY!BELLA!-gritou Jenna da cozinha. -Bella,você pode ir chamar a Elena?-perguntou Jenna quando cheguei a cozinha.




–Claro. -subi as escadas e bati no quarto que achava que era da Elena,mas quem abriu fui uma garota que devia ter a idade da Elena,morena e de cabelos castanhos cacheados.




–Oi?




–Desculpa, achei que era o quarto da Elena. -falei




–Estou aqui!-falou Elena aparecendo na porta.




–Elena, a Jenna nos chamou para o jantar.




–Sim, Bella essa é a Bonnie,minha amiga.-falou apontando para a garota e depois apontou para mim.-Bon,essa é a Bella,a Detetive Swan.




–Prazer Detetive Swan.-Bonnie disse sorrindo.




–Só Bella,Bonnie.-sorri de volta.




–Ok.




–Bem,vamos comer?Estou morrendo de fome.-falou Elena puxando nossa mão para andar a baixo.




–Ela é sempre assim?-sussurrei para Bonnie.




–Você acostuma com ela, nós temos uma amiga pior. -sussurrou de volta.




–Isso é possível?




–Sim. Qualquer dia ela aparece aqui.




–Sente-se Bella.




–Claro. -sentei de frente para Jeremy, do meu lado estava Jenna e do outro Bonnie,e de frente para ela,Elena.




–Então Bella,o que está achando de Mystic Falls?




–Uma cidade maravilhosa.




–Que bom, espero que você esteja gostando de morar com os Gilberts.




–Realmente vocês são adoráveis e aceitar uma "estranha" na casa de vocês.




Jenna me perguntou sobre como estava indo meu trabalho, as garotas coversaram sobre moda comigo e Jeremy se manteve calado, agora seria o momento perfeito para perguntar sobre Os Cullens,sobre os Salvatores também.Mas como entrar nesse assunto?




–Bonnie,você também conhece Os Cullens?




–Sim, todo mundo conhece. Eles se mudaram o ano passado.




–Qual a idade deles?




–Edward e Alice Cullen e Jasper Halle são os mais novos tem 17 anos, Emmett Cullen e Rosalie Halle são os mais velhos tem 18 anos.-Elena respondeu,eles tinham a mesma idade quando se mudaram para a minha escola.




–Vocês sabem se eles são adotados ou algo do tipo?




–Sim, -foi o Jeremy que respondeu.-Edward,Alice e Emmett Cullen são adotivos e Rosalie e Jasper Halle são sobrinhos da Sra.Cullen. Moram com ela desde os 8 anos.-É até a mesma história?!Tem alguma coisa no meio disso tudo e eu não estou gostando.




–Sabe Bella,a aquele Edward é meio esquisito,e eu não gosto muito dele.-Jeremy disse com uma careta e foi a única coisa que ele havia dito,até agora.Agora era certeza,Jeremy não gostava de Edward.




–Concordo com você, mas ele é bem gato.-Elena disse e ri,acompanhada de Jenna.




–Vocês conhecem algum Salvatore?-perguntei tentando saber sobre mais alguma coisa de Damon.




–A Elena é caidinha pelo Stefan Salvatore. -Jeremy diz rindo fazendo Elena corar.




–Claro que não.




–E o Damon Salvatore?Ele é irmão do Stefan?-perguntei.




–Damon?Bella não tem nenhum Damon, o Stefan não tem irmãos. -falou Elena confusa.




Tem alguma coisa errada, se o Damon é Salvatore e o Stefan também, eles têm que ser irmãos ou algum parente, a não ser que o Damon mentiu, não, ele não mentiria ou mentiria. Mas só tem um jeito de saber e vou ver o que dá.




–Stefan, ele mora sozinho?




–Sim, ele mora perto da floresta. -Como ele não tem parente se ele mora com o Damon?Estou confundindo cada vez mais com esses mistérios, Elena continuou -Tem uma caixa do nosso antepassado Johnathan Gilbert,ele escrevia diários,e tem um que fala sobre a família Salvatore se quiser ler.




–Claro!-respondi naturalmente não queria fazer alarme de minha investigação.




–Não!Não,não,não.-Jeremy disse.-Elena,você não pode dar o diário a ela,nem a caixa.




–Jeremy,calma o Johnaltan era um louco por acreditar naquelas coisas,Bella vai devolver.Não é?-intrometeu Jenna fazendo eles se calarem.




–Mas é claro que sim. -confirmei. -Eu vou devolver Jeremy.




O jantar seguiu em silêncio após a pequena discussão entre Elena e Jeremy,Jenna se intrometeu parando eles,continuamos a comer em silêncio,apreciando a comida,Elena e Bonnie logo puxaram assunto sobre moda novamente,eu apenas concordava ou as vezes fala algo a mais,eu tinha um bom gosto para moda,mas não era nenhuma super estilista.




–Bella,vou buscar o diário para você.-disse Elena e saiu do meu campo de visão,alguns minutos depois ela volta com uma caixa na mão.




A caixa era toda revestida de madeira,tinha alguns detalhes em dourado,com um fechadura e a chave nela,em cima da caixa estava escrito "Johnaltan Gilbert,Mystic Falls."




–Está aqui,Bella.




–Obrigada Elena. Bem,eu vou subir.Obrigada pelo jantar Jenna.-falei me despedindo.-Foi um prazer te conhecer Bonnie,tchau.




–Também foi um prazer te conhecer, Bella. Tchau. -falou Bonnie,me abraçando.




–Eu que agradeço Bella, por ter aceitado o convite. Boa Noite.-falou Jenna.




–Boa Noite, Bella.-falaram Jeremy e Elena em uníssonos,Lena completou.-Espero que goste da leitura.




–Obrigada,Boa Noite.-despedi e fui a sala,subindo dois degraus de cada vez.Entrei no meu quarto fechando a porta atrás de mim, fui ate a escrivaninha que ficava próximo a janela, acendi a luz de leitura, observei a caixa, seus detalhe antigos, o cheiro característico da madeira, abri cuidadosamente, se tratava de um artefato antigo e valioso certamente para a família, e Jeremy me parecia a pegado ao objeto e seu conteúdo.




Dentro, estava algumas bugigangas antigas, um relógio, uma bussola, um pequeno saquinho com uma erva, cheirei e não pareia drogas, deixei tudo de lado e observei o velho livro de capa de couro, em sua capa a inscrição "Mystic Falls",respirei fundo algumas vezes e abri.




"1864, a noite sombria de mystic falls estava como sempre repleta de criaturas noturnas, já não sabia mais como procurá-los, então decidi que teria de usar de artifícios ate mesmo perigosos, minha irmã não desenvolvera as habilidades de um caçador, e por este motivo a mantinha protegida, tinha plena certeza que a bussola funcionaria e com ela poderia encontrar um vampiro, mas não podia arriscar mais, as mortes tinham aumentado significadamente. Peguei a verbena, a pouca que restava depois da plantação pegar fogo, e coloquei dentro do relógio e no colar que daria a Samantha, e nós dois iríamos a um passeio pela cidade."




Folhei algumas paginas onde ele descreveu como era o funcionamento da tal invenção da bússola que segundo ele encontrava Vampiros.




Vampiros, esta palavra ecoava em minha mente, seria isto que eu tinha visto no dia da morte de minha mãe, um vampiro, um não dois, o que me atacou e o que me salvou.




Continuei lendo...




"O passeio foi frustrante, mas sai para uma busca sozinho, antes como sempre fiz Samantha tomar um chá com verbena, cheguei a floresta nos arredores da casa da família Salvatore, a casa estava aberta, e suas luzes todas acessas, observei que tudo estava muito estranho, então avancei, as estacas estavam todas a postos,olhei a bussola e ela estava indicando o interior da residência, entrei, e ao perceber um rastro de sangue, fiquei com a arma que estava carregada de balas de madeira em punhos, subi as escadas, e o corpo da senhora Salvatore estava ao alto das escadas, observei em seu pescoço tinha uma mordida, andei mais a frente e quando me deparei com a criatura sobre um corpo , a criatura sentiu minha presença e largou imediatamente o que fazia, era o senhor Salvatore, e quando a criatura olhou para mim, seus olhos eram dourados de fúria, seu rosto era desfocado, sua boca estava pingando o sangue que acabara de se alimentar, ele veio ate mim com velocidade, eu prontamente atirei nele, ele caiu, mas somente o tempo de eu correr.quando estava saindo da residência me veio a indagação como ele entrara em uma casa de pessoas desconhecidas e que sabia dos vampiros, neste instante observei a fera atrás de mim, e era ele, sim o filhos mais velho do Salvatore, Damon Salvatore, sim ele acabara de matar os pais, tentei crava-lhe a estaca, mas ele era rápido acabara de se alimentar.quando tentei fugir, observei que o filho mais novo também estava ali, sentado na sala, ele parecia calmo mas distante, com uma dor inexplicável, mas ao me ver ele tenteou igualmente me atacar, cravei a estaca nele, mas não atingiu seu coração.corri o mais rápido e achava que eles tinham desistido da busca, quando cheguei em minha residência, a porta estava arrombada, mas como ele entraria? lembrei da pequena queda de Samantha pelo filho mais velho Salvatore, e me desesperei, entrei e observei a criatura, agora com Samanta em seus braços, mas ela estava como estivesse sedada. Damon olhou em meus olhos - Esperto você encheu ela de verbena, pois não posso sugar seu sangue mas não vou poupa-la, neste instante ele quebrou o pescoço dela, minha Irma estava já sem vida, a criatura lutou ainda comigo, mas logo desistiu e correu, mas sabia que ela retornaria e eu iria vingar a morte de minha Irma."




Meu coração disparava ao ler aquilo, os nomes as referencias, a morte da pobre Samantha, tudo rondava em minha mente, mas algo me dizia que Damon não era assim.




O cansaço me consumia, então fui ate minha cama tentei ler mais, mas o sono me consumiu.




O mesmo sonho rondava minha mente, e voltava ao ponto, eu estava vendo minha mãe ali morta e sem poder fazer nada, quando a criatura corria ate mim, eu não vira seu rosto, mas quando o estranho me salvou, eu o vi, somente não conseguia lembrar, mas desta vez o sonho se estendeu, e pude ver os olhos azuis intensos, a fera que me salvou se tornou linda, era de cabelos escuros, e pude lembrar-me de seu rosto.




Acordei, e um rosto estava em minha mente, Damon, eu tinha quase certeza que fora ele quem me salvou aquele dia.




Decidi que iria até ele, eu queria respostas a tudo isto, e sabia que Damon salvatore poderia me dar estas respostas.



avatar
Tia Izis Costa
Escritor(a) em Evolução

Mensagens : 65
Popularidade : 0
Data de inscrição : 20/03/2013
Idade : 33
Localização : curitiba
Respeito às regras : Nenhuma advertência. Após 04 advertências, o usuário será banido.


Ver perfil do usuário http://fanficsdaizis.blogspot.com.br/
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gostou? Então compartilhe: BookmarksDiggRedditDel.icio.usGoogleLiveSlashdotNetscapeTechnoratiStumbleUponNewsvineFurlYahoo!Smarking

Beauty and Beast - Capítulo Capítulo 4 [] :: Comentários

Nenhum comentário.
 

Beauty and Beast - Capítulo Capítulo 4 []

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 

Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: ::::::::: PUBLICAÇÃO DE FANFICS [CATEGORIAS] ::::::::: :: CROSSOVER-

Site melhor visualizado e operado no Mozilla Firefox ou Google Chrome.
No Internet Explorer você não conseguirá usar muitos recursos especiais.