Digite o nome do autor do mesmo jeito que aparece no perfil. Será mostrado tudo que o autor participa.


Icon Icon Icon Icon




A Devil For Me. - Capítulo Mais um dia de trabalho. [+16] por sakymichaelis Ter 29 Out 2013 - 19:57



Cavaleiros do zodíaco-batalha final - Capítulo Prólogo [+13] por VITOR/OTAKU 305 Sab 26 Out 2013 - 17:51



Mid - Demons - Capítulo Prólogo [+16] por Lara_ Qui 24 Out 2013 - 18:48



[Me candidato à Beta Reader] Lara_  por Lara_ Qui 24 Out 2013 - 18:32



[Me candidato à Beta Reader] Aline Carvalho  por Aline Carvalho Qui 24 Out 2013 - 17:39



Ver tudo





Nós estamos no ar desde
Sab 16 Mar 2013 - 11:57!


Capítulos postados: 479

Comentários postados: 973

Usuários registrados: 491



O último usuário registrado foi:
sayuri234

Parceiros




Compartilhe | 
 

  Amor, Um Sentimento Confuso - Capítulo 15 [+16]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
MensagemAutor
29052013
Mensagem Amor, Um Sentimento Confuso - Capítulo 15 [+16]

[img][/img]

Categorias do Crossover:
Crepúsculo e The Vampire Diaries

Gêneros:
Aventura, Suspense, Romance,

Clique aqui para ver as Informações Iniciais:
 


Minha cabeça estava girando, estava tremendo que nem vara verde, a ficha ainda não tinha caído, Edward Estresse Cullen tinha me beijado, e eu tinha deixado... Eu não acredito, ah que vontade de bater nele, esbofeteá-lo até dizer chega.




–Até mais Bellinha! – falou ao se afastar. Espera, ele não pode me beijar e sair assim, eu preciso de uma explicação, ui esse idiota!




–Uhh, que droga! – xinguei depois que ele se afastou, fui até onde algumas meninas estavam e chamei Angela, que veio correndo até mim.




–Bella, eu vi direito? Edward te beijou? Você...




–Cala a boca Angel, fica quieta que eu conto tudo, mas agora vem! - A Puxei para um lado mais escuro da caverna, levando minha mochila nas costas. Enquanto eu trocava de roupa e colocava uma calça e um casaco ela tagarelava.




–Mas ele beija bem? – perguntou saltitante, parecia a Alice até.




–Ah, não sei, eu não prestei atenção nisso, estava pensando em jeitos de me livrar dele.




–Ah, para Bella todos vimos que você estava gostando e muito dos amasso do Cullen!




–Está doida! – Claro que eu não tinha gostado, talvez um pouco... Não eu não tinha gostado, se bem que Edward tem sim uma pegada que... Ah droga Isabella! Depois de eu trocar minha roupa peguei a mochila no chão e fomos até o professor Alaric ele estava muito sério.




–Vamos seguir caminhada logo professor? – perguntei ao me aproximar.




–Ficar parados que não vamos não é! – respondeu ríspido virando as costas pra mim e indo até onde alguns meninos estavam.




–Nossa, o que você fez para ele? – perguntou Ângela curiosa.




–Bem que eu gostaria de sabe... – Professor estranho, eu hein...




–Alunos, vamos tentar, com todo cuidado, subir pelas pedras de onde corre a água para vermos se chegamos em algum lugar, mas tem que ter cuidado, não sei se as pedras não estão escorregadias.




–Professor, eu fui até á e elas escorregam muito, mas podemos subir os garotos primeiro e alguns ajudam as meninas a subirem – Falou Jacob vindo para perto de nós e abraçando Ângela de um lado e eu do outro.




–Boa Jacob, vamos fazer assim então, chamem todos para cá, vamos partir só quando todos estiverem juntos.




P.D.V. Alice




Eu estava sentada em uma parte mais reservada da caverna, mais no escuro, ainda me lembrava da cena da menina caindo em meus braços, morta, foi horrível, eu nunca vira uma pessoa morrer, e ali, na minha frente, nos meus braços. Aquilo me deixou muito ruim, estava tão distraída que não vira alguém se aproximar.




–Alice? – me chamou uma voz rouca e tranquila.




–Oi? – perguntei quando ele sentou-se ao meu lado.




–Você está bem? – perguntou Jasper me olhando no escuro.




–Sim, estou um pouco melhor, só foi muito forte isso para mim, eu estou com medo Jass...




–Não fique assim Alice, vamos sair dessa...




Então senti sua mão em meu rosto, fazendo com que eu o olhasse nos olhos, quais brilhavam mesmo no escuro. Jasper não era de se aproximar assim das pessoas, muito menos de ter contato físico, estranhei um pouco isso.




–Você acha que conseguiremos sair dessa caverna? – perguntei precisando de esperanças.




–Sim, vamos...Eu tenho fé nisso... Mas antes ... Eu precisava te falar uma coisa, se acaso não conseguirmos sai daqui, quero falar isso, é algo que a tempos eu deixo preso dentro de mim, mas não da mais Alice, preciso falar...




–Você sabe que pode contar comigo Jasper, pode me contar...




–Alice, sei que somos primos e que isso é impossível mas... Eu... A tempos venho tentando, mas sem sucesso, acabar com um sentimento forte – ele fazia uma expressão de sofrimento no rosto – Eu gosto muito de você Alice!




–Eu também gosto de você Jasper! – falei pegando em sua mão que estava muito gelada.




–Mas não é como primo Alice... Eu gosto mais que isso, além de primo, amigo eu gosto de uma forma diferente...




Olhei para ele por um breve momento, eu estava confusa, há tempos eu esperei ouvir isso, mas nunca imaginava que Jasper nutria o mesmo sentimento por mim, achava que era impossível isso, éramos primos...




Em um impulso joguei-me em seu colo, com minhas pernas ao lado de seu corpo, segurei firme em seus cabelos e colei nossos lábios com amor. Beijei-o e ele retribuiu com urgência, puxando-me pela cintura para seu corpo, como se fossemos apenas um, beijávamos como se para recuperar todo o tempo esperado, sentia-me tão bem em estar ali, sentia-me tranquila e protegida junto de Jasper, mas tremia e arfava. Movimentei meu corpo e senti sua ereção, me assustei na hora, nunca causara algo assim em algum homem, então em um salto me afastei dele.




Ele levantou-se também arfante e cambaleou um pouco.




–Alice, eu... Desculpe-me eu nunca fiquei tão perto assim de uma mulher e...




–Tudo bem Jass... Isso acontece, e, eu gosto a tempos de você também, mas eu tinha medo... De não ser correspondida...




Dessa vez foi ele que me calou com um beijo, me segurando pela cintura e me tirou do chão me rodopiando em seus braços.




–Eu estou tão Feliz Jass!




–Apesar de estarmos presos em uma caverna a não sei quantos metros de profundidade da terra eu também estou muito feliz.




–Agora que Edward e Bella se acertaram, só espero que Emmett e Roselie se acertem também – falei sorrindo.




–Eles logo vão ver que não adianta esconder por muito tempo um sentimento tão lindo, e vão se entregar um para o outro...




Sorrindo Jasper e eu andamos de mãos dadas até onde o resto dos alunos se encontrava.




–Vamos seguir caminhada a partir de agora – falou-me Roselie sorrindo – Alaric acha que podemos ter encontrado a saída.




–Peguem suas coisas, vamos jogá-las para alguns dos meninos que estiverem lá em cima, depois os meninos que estiverem aqui em baixo ajudaram as meninas a subirem.




E assim começamos todos a subir, fui uma das primeiras, era difícil, pois as pedras, por estarem cheias de uma planta verde escorregavam muito, mas Jasper estava atrás de mim me segurando e chegando na ultima pedra Edward e Emmett me ajudaram a subir. Roselie vinha logo atrás, ajudada por Jasper também, ao chegar lá pude ver de onde vinha a água, um pouco para direita de onde estávamos tinha um córrego, não aparentava ser fundo.




–Alice, você e Jasper não estão...? – Emmett começou a falar mas não conseguiu terminar.




–Sim Emm, estamos juntos, e nem você nem Edward vão interferir nisso certo? – perguntei seria e convicta do que estava dizendo.




–Mas Alice vocês são...




–E você e a Roselie também! – Falei encerrando a conversa com um Emmett bicudo e carrancudo.




Estávamos quase todas as meninas lá em cima, então um grito foi ouvido e um barulho, alguém tinha caído lá em baixo.








avatar
Lah Salvatore
Escritor(a) Criativo(a)

Mensagens : 217
Popularidade : 1
Data de inscrição : 20/03/2013
Idade : 19
Localização : Brusque - SC
Respeito às regras : Nenhuma advertência. Após 04 advertências, o usuário será banido.

Escritor especialista em Romance

Ver perfil do usuário http://amorantesdetudo.blogspot.com.br/
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gostou? Então compartilhe: BookmarksDiggRedditDel.icio.usGoogleLiveSlashdotNetscapeTechnoratiStumbleUponNewsvineFurlYahoo!Smarking

Amor, Um Sentimento Confuso - Capítulo 15 [+16] :: Comentários

Lah, amo essa história. É perfeita. Amei o capítulo e agora vou roer os cotovelos pelo próximo, como sempre...rs Bjs da Naylah :)
:D hehe minha linda, obrigada por sempre estar comentando viu, você me inspira muito, obrigada mesmo, beijos...
 

Amor, Um Sentimento Confuso - Capítulo 15 [+16]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 

Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: ::::::::: PUBLICAÇÃO DE FANFICS [CATEGORIAS] ::::::::: :: CROSSOVER-

Site melhor visualizado e operado no Mozilla Firefox ou Google Chrome.
No Internet Explorer você não conseguirá usar muitos recursos especiais.