Digite o nome do autor do mesmo jeito que aparece no perfil. Será mostrado tudo que o autor participa.


Icon Icon Icon Icon




A Devil For Me. - Capítulo Mais um dia de trabalho. [+16] por sakymichaelis Ter 29 Out 2013 - 19:57



Cavaleiros do zodíaco-batalha final - Capítulo Prólogo [+13] por VITOR/OTAKU 305 Sab 26 Out 2013 - 17:51



Mid - Demons - Capítulo Prólogo [+16] por Lara_ Qui 24 Out 2013 - 18:48



[Me candidato à Beta Reader] Lara_  por Lara_ Qui 24 Out 2013 - 18:32



[Me candidato à Beta Reader] Aline Carvalho  por Aline Carvalho Qui 24 Out 2013 - 17:39



Ver tudo





Nós estamos no ar desde
Sab 16 Mar 2013 - 11:57!


Capítulos postados: 479

Comentários postados: 973

Usuários registrados: 491



O último usuário registrado foi:
sayuri234

Parceiros




Compartilhe | 
 

  Digimon - Um Caos A Ser Controlado - Capítulo 05 [+16]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
MensagemAutor
03082013
Mensagem Digimon - Um Caos A Ser Controlado - Capítulo 05 [+16]

Clique aqui para ver todos os capítulos desta história!



Tema do Anime / Mangá:
Digimon

Gêneros:
Ação, Amizade, Aventura, Universo Alternativo,

Clique aqui para ver as Informações Iniciais:
 


Parecia não haver uma parte sequer de seu corpo que não doía. Seu estômago parecia que brasas tinham sido colocadas dentro e sua cabeça pulsava incessantemente. Ela tentou se levantar do chão, mas não conseguia se equilibrar. Todo o ambiente a sua frente parecia balançar para trás e para frente como um barco em uma tempestade. Apesar disso tudo, ainda conseguia notar Gallantmon em pé não muito longe dali, desafiando-a a continuar a luta. Mas ainda não era o suficiente para ele ter espancado e ferido a raposa, porque o arrogante filho da puta continuava a depreciá-la silenciosamente.
Quando Gallantmon achou que o jogo tinha acabado, ela não tinha dúvidas. Ele planejava acabar com ela, e ao menos que saísse do caminho, esse lugar seria seu túmulo, mas mal conseguia se mover, quanto mais desviar do ataque.
Acho que é isso, ela percebeu. Vou morrer aqui.
Foi então que ela ouviu o som de passos correndo na terra dura. BlackRenamon levantou sua cabeça (um movimento que fez tudo desfocar por um segundo que também fez seu cérebro) e viu o garoto correndo até ela. De primeira, estava confusa, mas com uma revelação gelada, BlackRenamon entendeu exatamente o que ele queria fazer.
Tentou se levantar, para empurrá-lo para fora do caminho antes que algo acontecesse, mas quando se levantou, seu intestine se amarrou como uma bola apertada o que a mandou para o chão de novo. BlackRenamon gritou para sair, mas ou ele não a ouviu ou não escutou.
BlackRenamon foi forçada a assistir enquanto o ataque de Gallantmon acertou-o em cheio. Seu corpo ficou rígido e sua cabeça se atirou para trás o suficiente para ela vislumbrar a expressão de agonia do rosto dele. Parecia que estava tentando gritar, mas não podia fazer um som.
Pareceu ter passado uma eternidade para BlackRenamon (e muito provavelmente mais para Ivan) quando o ataque cessou e o garoto vacilou em seus pés como se tivesse perdido todas suas forças. Depois, ele caiu inconsciente.
Ela e Dorumon assistiu tudo isso com uma mistura de horror e confusão. Eles não conseguiam entender o porquê de Ivan ter feito o que fez. Provavelmente sabia das consequências, então por que ele propositalmente se colocou na zona de perigo?
Para me salvar? Ela pensou. Ele não poderia ter feito isso para me salvar, poderia?
"I-Ivan?" Ela resmungou com a garganta inflamada e crua, mas o garoto não se movie.
"Ivan?"                            
Ainda não havia resposta, e BlackRenamon percebeu que nem podia dizer se ele estava respirando.
"Ivan!?"
Nada. Ele podia estar morto; podia sim estar bem morto. Afinal, aquele último ataque era para acabar com miséria dele, então o que poderia acontecer se o alvo fosse um humano?
Gallantmon, por outro lado, ainda continuou com seu olhar inexpressivo como se algo mundano tivesse acontecido. "Que desperdício…” Ele simplesmente disse.
Ao som da voz dele, toda aquela confusão e medo dentro de BlackRenamon virou em pura fúria. Ivan era a primeira pessoa que ela podia chamar de amigo em toda sua vida e agora,.. ele se foi. Mesmo estando fora do combate, Dorumon também estava furioso e se juntou a BlackRenamon. Agora, essa luta tinha se tornado pessoal para os dois.
Os dois ainda não conseguiam acreditar no que viram. Ivan tinha pulado na linha de fogo para salvá-la e seu inimigo o zombava por isso. BlackRenamon não deixaria as coisas terminarem desse jeito, não enquanto seu DigiNúcleo estivesse ainda online. Ivan tinha lhe dado uma segunda chance que precisou com o sacrifício da própria vida dele e agora... agora...
Um feixe de luz se atirou do Digivice de Ivan. Ele viajou pelo ar como uma bala até chegar na raposa. BlackRenamon sentiu uma coisa assim que a luz a atingiu; um sentimento que começou lá de suas profundezas e se espalhava pelo corpo. Ela tinha sentido isso apenas uma vez na vida, mas sabia exatamente o que era. A dor, por mais forte que fosse, a inundou e com ela, podia sentir seu corpo mudar. Seus pêlos e pele, músculos e ossos, tudo começou a morfar em uma coisa diferente, algo novo. BlackRenamon estava DigiEvoluindo.
Gallantmon assistiu com bastante interesse a transformação de BlackRenamon que passaria a ser Youkomon, sua forma Perfeita. Sua aparência era a mesma, mas agora estava sob quatro patas flamejantes assim como suas nove caudas estavam.
Quando a transformação terminou, Youkomon estava pronta para uma nova rodada contra Gallantmon. Ela pediu que Dorumon se afasta-se da luta pela segurança, as coisas iam ficar mais feias agora que diferença de poderes se estreitou mais. Dessa vez, faria com que o sacríficio de Ivan não fosse em vão.
OOO
Parecia que o plano de Gallantmon estava indo conforme havia pensado. Apesar de ter sido duro em seus ataques, a parceira do humano provou ser uma guerreira nata que sabia seus prós e contras para formar uma estratégia que podia determinar sua vitória se fosse um Digimon qualquer. Como Gallantmon não era um qualquer, ela não teve essa sorte. No final, a grande diferença entre os dois foi o determinante para o Ex-Cavaleiro a vencer o duelo. Como era um ser de honra, a luta era para terminar ali, mas se realmente terminasse, seu esforço não teria valido a pena. Tinha que simular uma situação real onde o inimigo não teria a mesma misericórdia que tinha. Apesar de doer em seu código, era algo que precisava fazer.
Para a parceira evoluir, ele sabia que precisava entrar em um estado emocional em que lhe desse a força necessária para entrar na forma Perfeita. O envolvimento direto do humano foi o estopim para tal ato, como havia previsto antes da batalha. Assim como tinha acontecido consigo certa vez, a parceira do humano havia mostrado que se importava muito com ele e faria de tudo para protegê-lo. E foi com esse desejo que conseguiu evoluir para Youkomon.
No seu ponto de vista, Gallantmon estava feliz por seu plano ter dado certo. Mas agora, teria de lidar com uma Digimon obcecada por vingança e fúria. Ele mesmo sabia que o humano ainda estava vivo, no entanto, inconsciente já que Delete Program somente destruía seres digitais. A explosão foi o resultado da incompatibilidade com o frame do garoto que era feito de carne e osso. Honestamente, Gallantmon não queria ter feito com ele, mas se isso pelo menos os ajudasse a ficarem mais forte para Yggdrasil, então valeria a pena.
Gallantmon entrou em posição de batalha novamente, seguido de Youkomon. Para ter uma chance de abrir negociações agora, teria que enfraquecê-la ao ponto de não aguentar mais em manter a evolução. Seria uma tarefa difícil, mas, para começo de conversa, seu trabalho como Cavaleiro Real nunca foi fácil.
Youkomon avançou primeiro e lançou três bolas de fogo de sua cauda em sua direção. Apesar de ser escudo quase indestrutível, Gallantmon podia sentir que a força dos ataques fez maior impacto do que os de quando ela estava na forma Novata. Agora teria que lutar um pouco mais sério...
“Royal Saber!”
Seu sabre liberou uma rajada azul cortante em Youkomon. Ele não usou muito de seu poder no ataque, até porque só queria atordoá-la. No entanto, Youkomon conseguiu se desviar bem a tempo e usou Fox Tail Inferno, seu ataque de assinatura. Novamente, o escudo de Gallantmon fez seu trabalho.
Gallantmon sabia que se ele chegasse perto dela, a raposa não teria chance de revidar apropriadamente um combate corpo-a-corpo. Assim como sua forma interior, seu corpo não era feito para lutas desse tipo e por isso, precisava de sua velocidade para se proteger. Velocidade que ele tinha...
Em um instante, seu impulso antigravitacional para se atirar na raposa que também rapidamente se aproximava. Para a sorte de Gallantmon, raiva era um sentimento traiçoeiro em uma luta. Apesar de lhe dar forças para continuar, mantém sua mente focada no objetivo sem perceber quaisquer contraofensivas do inimigo e reagir a tempo. Foi o que aconteceu com Youkomon. Ela estava tão obcecada em acabar com Gallantmon que não viu que ele mesmo tinha passado por ela em uma velocidade incrível e desferir Royal Saber nela de novo. Dessa vez, o ataque mandou-a para longe, uns quinze metros até sua posição anterior.
Gallantmon não perdeu tempo e avançou até ela. Quando chegou onde estava deitada, agarrou-a antes que pudesse se levantar de novo.
“Youkomon! Pare de lutar e me escute!” Exclamou tentando controlar a fera. “Me escute agora!”
“Por que eu deveria escutar você!?” Ela rosnou. “Você matou o primeiro amigo que tive na vida.”
“Não matei seu domador! Ele ainda está vivo, mas está inconsciente!”
“Mentira!”
“Se você é realmente a parceira dele, se concentre e tente sentir a presença! Mesmo tendo se encontrado a poucos dias, eu sei que a ligação que vocês tem é grande o suficiente para sentí-lo!”
De primeira, Youkomon não acreditou no que dizia. Mas estando na situação em que estava, não teve muitas opções. Ela fez o que lhe havia dito. Tentou concentrar sua mente em sentir a força vital de Ivan. Ficou surpresa ao perceber que o que dizia era verdade. Podia até “ouvir” o coração do garoto ainda pulsar naturalmente.
Isso a fez ficar confusa. Por que Gallantmon estava dizendo isso agora?
Gallantmon parecia entender sua pergunta silenciosa. “O que tenho a dizer para você pode parecer loucura, mas é a pura verdade.” Ele suspirou antes de continuar. “Nunca tive a intenção de fazer o que fiz agora. Na verdade, tudo isso era parte de um plano para acessar a força que estava dormente em você e se continuasse no ritmo que estavam, receio que não seria suficiente para enfrentar as forças de Yggdrasil. Por isso, tive que quebrar minha honra e fingir ser um Cavaleiro Real atrás de vocês dois.”
Youkomon não precisou ser um gênio para entender o propósito do sujeito. “Então, quer dizer que você sabia que Ivan iria me proteger daquele ataque? Para que eu pudesse evoluir?”
“Honestamente, eu não sabia se ele iria fazer o que fez, mas estava torcendo para que fizesse. Por isso que usei um ataque não letal para humanos.” Quando percebeu que ela tinha ficado mais calma, ele a soltou. “Isso só prova que a ligação é forte, maior até o que tinha com meu antigo parceiro.”
Youkomon ficou incrédula. “Você já foi parceiro de um Escolhido?”
“Sim. O nome dele era Matsuda Takato, de um país chamado Japão no Mundo Humano. Nós e nosso grupo fomos os responsáveis em derrotar o D-Reaper na época.
Youkomon já tinha ouvido falar disso antes. Aparentemente, o D-Reaper era um programa de computador cuja função era deletar todo tipo de inteligência artificial inferior, mas acabou ganhando mais poder e se tornando uma ameaça mortal tanto para o Mundo digital quanto para o Mundo Real. Seu único objetivo era a destruição. Ele ficou assim por causa do excesso de evoluções no mundo digital e passou a acreditar que Digimons era excesso de Dados e deveriam ser deletados. Era um rumor bastante comentado pelo DigiMundo afinal de contas, mas testemunhar um dos salvadores de ambos os mundos era outra coisa...
“Me juntei aos Cavaleiros Reais depois de conseguir minha forma Extrema novamente. Mas agora, todos acham que sou renegado por discordar das intenções de meu Lorde Yggdrasil e por isso, fui banido da Ordem.” Disse tristemente. “O que me resta a fazer agora é treinar vocês dois para se prepararem na luta contra a Ordem e o Programa X. Talvez eu não tenha o direito, mas eu, Gallantmon, estou disposto a ajudá-los no que for possível.” Para provar que estava dizendo a verdade, se ajoelhou. Para um Cavaleiro Real ou até mesmo um ex, se ajoelhar perante alguém significava que estava oferecendo sua lealdade e que poderia ser até eterna a depender das estabelecidas condições.
Assunto tocante, se Youkomon não sentisse um certo ódio para esse sujeito. Mas, com certeza a ajuda dele seria de grande valor já que conhecia a Ordem.
No entanto, ela fez questão de mostrar que ainda desconfiava dele. “Tá certo. Se realmente pode nos ajudar, você pode entrar no grupo. Mas, se tentar qualquer coisa de novo, me certificarei que seus dados nunca mais façam parte de um DigiOvo.”
Um pouco severo da parte dela, mas era justo de qualquer jeito. Ele aceitou os termos. “Bem, acho que você deveria descansar junto dele. Vocês merecem depois do que passaram.”
“Imagino que está se oferecendo para montar guarda durante noite.”
“É o mínimo que posso fazer. Cavaleiros Reais são treinados para não dormirem quando o perigo está próximo.”
“Você espera mesmo que a gente se sinta seguro com alguém como você montando guarda enquanto dormimos? Depois do que fez?”
“Não, mas tem a minha palavra, não como Cavaleiro Real, e sim como Digimon.”
Youkomon estava relutante de primeira, mas resolveu arriscar nessa premissa. Mesmo com sua nova evolução, ainda não teria chances contra Yggdrasil e ele podia localizá-los a qualquer momento, se não tiver feito ainda. Essa seria uma noite bem longa...

avatar
Nightingale93


Mensagens : 6
Popularidade : 0
Data de inscrição : 10/07/2013
Idade : 25
Localização : Aracaju
Respeito às regras : Nenhuma advertência. Após 04 advertências, o usuário será banido.

Escritor especialista em Ficção Científica

Ver perfil do usuário http://nightingale93.chatango.com/fpix?nightingale93
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gostou? Então compartilhe: diggdeliciousredditstumbleuponslashdotyahoogooglelive

Digimon - Um Caos A Ser Controlado - Capítulo 05 [+16] :: Comentários

Os cavaleiros reais são ótimos.
 

Digimon - Um Caos A Ser Controlado - Capítulo 05 [+16]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 

Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: ::::::::: PUBLICAÇÃO DE FANFICS [CATEGORIAS] ::::::::: :: ANIMES / MANGÁS-

Site melhor visualizado e operado no Mozilla Firefox ou Google Chrome.
No Internet Explorer você não conseguirá usar muitos recursos especiais.