Digite o nome do autor do mesmo jeito que aparece no perfil. Será mostrado tudo que o autor participa.


Icon Icon Icon Icon




A Devil For Me. - Capítulo Mais um dia de trabalho. [+16] por sakymichaelis Ter 29 Out 2013 - 19:57



Cavaleiros do zodíaco-batalha final - Capítulo Prólogo [+13] por VITOR/OTAKU 305 Sab 26 Out 2013 - 17:51



Mid - Demons - Capítulo Prólogo [+16] por Lara_ Qui 24 Out 2013 - 18:48



[Me candidato à Beta Reader] Lara_  por Lara_ Qui 24 Out 2013 - 18:32



[Me candidato à Beta Reader] Aline Carvalho  por Aline Carvalho Qui 24 Out 2013 - 17:39



Ver tudo





Nós estamos no ar desde
Sab 16 Mar 2013 - 11:57!


Capítulos postados: 479

Comentários postados: 973

Usuários registrados: 491



O último usuário registrado foi:
sayuri234

Parceiros




Compartilhe | 
 

  Geleden Lives -City-lit Paris - Capítulo 05 [+16]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
MensagemAutor
29052013
Mensagem Geleden Lives -City-lit Paris - Capítulo 05 [+16]

[img][/img]

Gêneros:
Romance, Drama,

Clique aqui para ver as Informações Iniciais:
 










POV- Isabella Swan.








Definitivamente eu amo Paris, eu acho uma cidade o tanto quanto encantadora, em seu contexto histórico, no seu contexto arquitetônico e mais ainda na maneira sofisticada que os franceses andam, se expressam eu amo Paris. Mas pela primeira vez, eu não sei o que irá me aguardar depois dessa viagem ou durante essa viagem.




Nós estávamos próximos, a Torre Eiffel e eu suspirei havia muitos turistas, muitas pessoas olhando para a torre namorados fazendo promessas para seus companheiros olhei para a cidade sempre badalada mesmo com o frio que caia parecendo castigar a cidade luz era incrivelmente linda. Eu respirei fundo dentro do carro a primeira vez que eu vim aqui eu tinha nove anos.




– Papai, nós vamos ver a torre grande de ferro?- perguntei segurando sua mão, e da minha mãe enquanto andávamos pela cidade durante a noite.




– Vamos, mas a torre que vimos hoje de manha ela vai ser toda iluminada- respondeu.




– Como?-perguntei curiosamente.




– Você verá quando chegarmos lá- respondera olhando-me nós andamos algumas quadras.




– Consegue vê-la?-perguntou olhando para mim eu encarei a imensa torre de ferro abusadamente linda, com um tom amarelo iluminando-a como um todo era a primeira vez que eu olhava para ela.




– Ela é linda!- falei piscando algumas vezes não acreditando no tamanho daquilo.




– Filha?-falou minha mãe chamando-me.




– Oi, desculpe mãe- respondi ela me deu um sorriso.




– Parecia que estava em outro mundo- comentara olhando-me.




– Não, estava apenas olhando para a torre- respondi ela deu um sorriso.




– Ainda é apaixonada por esse lugar não?-perguntou.




– Sim, desde que tinha nove anos eu me apaixonei por esse lugar- respondi para a minha sorte nos chegamos ao hotel no qual ficaremos hospedados. Champs Elysées Plaza eu olhei para o hotel, localizado no coração de Paris abri a porta do carro meu pai pagou ao taxista e nós entramos sendo recepcionados por camareiro meus pais falaram com a mulher da recepção enquanto eu olhava para o quadros, e a decoração rústica do lugar e sofisticada eu fiquei andando por um tempo naquele lugar.




– Querida, aqui está sua chave- meu pai não estava falando comigo provavelmente zangado, por eu ter escolhido Oxford e não Harvard, não me preocuparia ele falaria comigo eu tenho certeza disso.




– Obrigada, mãe –agradeci- Papai, está estranho comigo - comentei ela deu um suspiro.




– Deve ser apenas o cansaço filha- respondeu olhando-me. - Te vejo amanhã princesa, descanse- falou eu dei um sorriso de confirmação. Ela subiu e eu peguei o próximo não queria pegar um elevador, com eles.




– Senhorita Swan, suas malas já estão na sua suíte- falou eu suspirei abrindo minha bolsa peguei uma nota de cem dólares.




– Obrigada – falei.




– Bom descanso Senhorita – falou eu dei um sorriso o olhando eu entrei no quarto e suspirei é eu não sei como vai ser esses dias aqui.




Eu peguei minha mala e segui para o meu quarto junto com a nessecerie. Olhei pela janela e a linda Torre iluminada eu foi à varanda e olhei para aquele local, a cidade inteira iluminada eu mordi minha boca e dei um sorriso era linda eu amo esse lugar eu olhei para a cidade com uma certa obsessão eu estou apaixonada pela cidade eu olhei para a minha frente e entrei suspirei foi para o banho quente tomei um banho absurdamente quente coloquei uma camisola de maga comprida com o rostinho de um gato desenhado coloquei uma camisola de manga comprida de flanela o ar condicionado ligado deixando o quarto quentinho.




– Quem é? – perguntei com sono o fuso costuma acabar comigo.




– Serviço de quarto Senhorita Swan – respondeu a voz era uma mulher – Viemos trazer o café da manha a ordens dos seus pais- explicou eu resmunguei.




– Já estou indo, espere um minuto – pedi eu coloquei meu hobby, e arrumei meus cabelos uma leve arrumada e foi para a porta.




– Bom dia – falei.




– Bom dia Senhorita Swan, seus pais mandaram nós trazermos o café – respondeu colocando o carrinho com o café.




– Obrigada – respondi olhando para ela.




– Nada senhorita Swan, tenha um bom apetite e um ótimo dia – falou educadamente eu agradeci e ela saiu eu foi até aonde tinha uma tampa algo quente eu olhei era um chocolate quente Croissant de chocolate, e também de presunto e queijo frutas, e também yourgut eu mordi minha boca olhando para aquilo lá eu comi rapidamente tudo e vi que o dia estava frio nevava muito droga como eu vou fazer minhas compras aqui? Nesse frio.




Fui até o lado de fora com uma blusa, mas grossa e notei a cidade estava cheia mesmo com o inverno que castigava Paris.




– Está frio demais Alice eu não vou – falou uma voz eu olhei para a varanda ao lado da minha eu respirei fundo mordendo minha boca não tinha ninguém era uma voz masculina depois de um tempo apareceu o dono da voz.




Um homem alto um metro e setenta e alguma coisa, cabelos cobres estava observando a passagem notei que ele estava fumando parecia pelo menos eu tentei não reparar muito nele, mas sua pele é pálida. Ele terminou de fumar e notei ele me olhando. Eu mexi no cabelo sinônimo de nervoso.




– Hey, garota – uma voz máscula me chamou eu tentei ignorar, mas minha curiosidade não permitiu eu olhei para ele e me impressionei com a beleza dele. Eu estava congelado estava com uma blusa grossa, mas sentia frio.




– Oi – falei timidamente.




– Não esta com frio, para estar de pernas de fora? – perguntei olhando para ele.




– Sim – respondi – Por isso mesmo eu já ia entrar para tomar, banho e me trocar- respondi ele me olhou.




– Eu posso me candidatar a ser seu sabonete? – perguntou o que?




– Me erra! – afirmei entrando no meu quarto eu fechei a porta e tomei um banho quente, coloquei um jeans e uma blusa de frio grossa peguei meu notebook. Chequei meus e-mails por um bom tempo e fiquei navegando na internet.





avatar
Lah Salvatore
Escritor(a) Criativo(a)

Mensagens : 217
Popularidade : 1
Data de inscrição : 20/03/2013
Idade : 20
Localização : Brusque - SC
Respeito às regras : Nenhuma advertência. Após 04 advertências, o usuário será banido.

Escritor especialista em Romance

Ver perfil do usuário http://amorantesdetudo.blogspot.com.br/
Voltar ao Topo Ir em baixo
Gostou? Então compartilhe: diggdeliciousredditstumbleuponslashdotyahoogooglelive

Geleden Lives -City-lit Paris - Capítulo 05 [+16] :: Comentários

Nenhum comentário.
 

Geleden Lives -City-lit Paris - Capítulo 05 [+16]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 

Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: ::::::::: PUBLICAÇÃO DE FANFICS [CATEGORIAS] ::::::::: :: FILMES-

Site melhor visualizado e operado no Mozilla Firefox ou Google Chrome.
No Internet Explorer você não conseguirá usar muitos recursos especiais.